Sinto saudade de você
Quando me pego a falar sozinha
Você é aquele que me entende e
Me explica.
Nunca consegui encontrar alguém
Que concordasse comigo como você
Que me dissesse tudo o que você diz
Sem que pareça obrigado
Se não o é
E nisso tudo há verdade
Você não lembra o que não esqueço
E me recorda o que me falha
Não somos opostos que se atraem
Porque “amar não é olhar um para o
Outro: é olharem ambos na mesma Direção.”

Deixe uma resposta

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

requerido