Desde a primeira vez que me vi assim
Tão distante da realidade e da normalidade
Desde que me tornei o que sou, maldita
Desde que me vejo assim
Não tenho tido tempo pra fazer o que você faz
Não tenho tido tempo pra pensar no que lhe dizer
Pra que você procure me entender
Porque não é isso que eu espero de você
Eu espero que você desapareça da minha frente
E me deixe viver minha vida em paz!

Deixe uma resposta

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

requerido