As mulheres estão sempre preocupadas em perder aqueles quilinhos que estão sobrando ou simplesmente em manter a boa forma em que se encontram. Mas a maioria corre das tediosas aulas de ginástica localizada e da desgastante musculação. Qual a solução?

Uma alternativa prazerosa é praticar a dança. Sobretudo, dança do ventre.

A origem da dança do ventre ainda é um mistério, sendo atribuída a vários países como Egito, Índia, Grécia e Arábia Saudita. Em contrapartida, seus benefícios já são bem elucidados e compreendem as esferas física e mental. Na esfera física, a dança ajuda a tonificar a musculatura do abdômen, pernas, glúteos, braços e costas; aumenta a flexibilidade e a resistência; promove uma reeducação postural; estimula a circulação; auxilia em problemas menstruais e partos, diminuindo as cólicas e facilitando contrações e dilatações, além de queimar muitas calorias. Já na esfera mental, a dança aflora a feminilidade, tornando a mulher mais auto-confiante; desenvolve a memória e a concentração e até mesmo alivia o stress.

Além de ser uma dança deliciosa e pra lá de atraente, pode deixar a mulher com aquele corpinho que ela sempre quis!

Eu recomendo!

Dançarina Árabe

 

Deixe uma resposta

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

requerido